The Garoupini Chronicles
sexta-feira, janeiro 23, 2004
 
Fidel Castro limita acesso à Internet
Mais um exemplo de democracia e liberdade, naquele que alguns gostam de chamar “o paraíso na terra”, Cuba. Numa nova lei agora aprovada nesta ilha das América, o acesso à Internet fica apenas reservado aos funcionários públicos, pessoas pertencentes ao Partido Comunista e a médicos. Assim, deste modo, dificilmente os cidadão cubanos conseguirão aceder aos órgãos de comunicação internacionais, ficando a informação restrita apenas à propaganda do Estado.

Fidel Castro nunca foi um adepto da Internet. No ano passado já tinha limitado tal prática impondo um serviço telefónico especial para quem quisesse aceder e apenas pago em dólares (moeda pouco acessível ao cidadão comum).


Powered by Blogger

Introduza o seu e-mail para subscrever o The Garoupini Chronicles


Qual a melhor personagem de sempre de uma sitcom?
  
Free polls from Pollhost.com
LINKS